Pesquise no blog Rethalhos Culturais

16 agosto 2011

Pesquisa da UFPel resgata memória das Carruagens fúnebres em Pelotas/RS

    Terra dos charqueadores, da cultura e dos casarões. Pelotas. Princesa do Sul. Cidade que agora resgata o passado com a restauração dos prédios históricos. As carruagens fúnebres também são parte importante deste processo. Até a década de 70, do século 20, estes carros, ricos em adornos, ainda faziam o cortejo dos mortos até o campo santo.
    A história da arte funerária de Pelotas não está apenas nos cemitérios e nas marmorarias, também pode ser encontrada nestas carruagens ou antigos carros fúnebres, um branco e outro preto, que eram utilizadas pelas famílias mais abastadas da cidade para o cortejo até o cemitério São Francisco de Paula, onde seriam sepultados os seus mortos.
   Com a finalidade de resgatar a memória das carruagens fúnebres e parte da história da sociedade pelotense, a formanda do curso de Bacharelado em Conservação e Restauro de Bens Culturais Móveis, do Instituto de Ciências Humanas, da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Luciane dos Santos Machado, desenvolve o trabalho de conclusão de curso sobre o tema A presença de iconografia maçônica nos ornatos das carruagens fúnebres de Pelotas, com a orientação da professora Luíza Fabiana Neitzke de Carvalho.
Saiba mais sobre o trabalho de Luciane, o projeto de Restauro de Peças do Acervo Sacro do Museu da Baronesa e muito mais, na matéria especial completa que está na edição impressa do Diário Popular desta terça-feira (16/8/2011).

Por: Jussara Lautenschläger
jussara@diariopopular.com.br

4 comentários:

Anônimo disse...

Umas peças, com um valor hitórico muito grande, deveriam estar em exposição em algum lugar interessante seria colocar em exposição na Chaqueada São João, pois um dos ultimos cortejos a serem feitos na carruagen preta foi do senhor Raffael Mazza no ano de 1970.

Parabns pela iniciativa

Anônimo disse...

O intuito parece ser fazer um museu de arte sacra para colocar essas carruagens para visitação ao público. Acho que agora é questão de tempo. Espero que pouco tempo!

Anônimo disse...

Parabéns a Luciane e a Luiza! Ótima iniciativa!

Pedro Pail disse...

A preservação de objetos históricos permite que possamos resgatar os acontecimentos através do uso desses objetos restaurados em filmes que resgatam a história da cidade e zona sul com mais fidelidade nas imagens geradas ... Uma ótima iniciativa !!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...