Pesquise no blog Rethalhos Culturais

13 abril 2011

Fetter e Ambar estudam parceria para manutenção da Baronesa

       Procurado por membros da Associação dos Amigos do Museu da Baronesa (Ambar), o prefeito Adolfo Antonio Fetter, em reunião no Paço Municipal nesta quinta-feira (7), aprovou a iniciativa do grupo de buscar fontes alternativas para manutenção do patrimônio. A ideia da entidade é transformar a casa auxiliar do parque num Coffee Shop e espaço aberto a eventos, em harmonia com as características históricas e arquitetônicas, com a meta de gerar receita permanente destinada a restauros. Lançamentos de livros, exposições e coquetéis são algumas possibilidades elencadas pelos associados, além da própria atividade comercial.
         No debate, o prefeito esclareceu que se trata de edificação inventariada, histórica, e que qualquer parceria entre Poder Público e instituição privada – mesmo sem fins lucrativos – tem de ser firmada via convênio. O secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SDET), Eduardo Macluf, prontificou-se em ser o interlocutor da Prefeitura e da associação para a reuniões entre representantes das secretarias envolvidas e os articuladores do projeto, bem como formalização dos trâmites que viabilizarão o trabalho conjunto.
         “O secretário Macluf poderá auxiliar vocês na organização destas ideias, mas a iniciativa precisa ser da Ambar. Secult, que administra o Museu, Procuradoria Geral do Município, responsável pelos pareceres, e outros órgãos, como a SMU, devem participar”, orientou Fetter, enfatizando a necessidade de composição de uma minuta do projeto. O chefe do Executivo recomendou também aos integrantes da entidade que – neste documento, cujo fim é concretizar o acordo formal entre as partes – sejam mencionados detalhes da cafeteria, a proposta de plano diretor de uso da área e outras benfeitorias, entre elas uma pista de caminhada.
         Outra diretriz de Fetter, na ocasião, foi a contratação de um arquiteto que, segundo ele, deve ser feita pela Ambar, tendo em vista a necessária aprovação da Secretaria Municipal de Urbanismo (SMU), representada na reunião pelo gestor titular, Luciano Oleiro. Presidente da associação, que promove frequentemente eventos para arrecadação de fundos e qualificação da área, Maria Rita Sampaio destacou, na audiência de hoje – da qual participaram ainda os associados Nicola Caringi, Patrícia Penteado, Laura Tonial e Rejane Timm –, a importância sob o ponto de vista turístico desta soma de esforços.
         Em concordância com a dirigente da Ambar, Macluf saudou a mobilização, frisando a relevância das parcerias entre governo e instituições em busca da otimização das ações de fomento ao turismo local. Acerca do reconhecimento de Pelotas como polo atrativo de desenvolvimento do setor, o prefeito assinalou que a largada para a comemoração dos 200 anos do Município foi dada e trará exatamente a tônica em discussão. “De 1º de julho desse ano a 7 de julho de 2012, teremos um calendário de celebração do bicentenário focado na história, na cultura, no patrimônio, nas potencialidades e nas vocações econômicas da cidade”, antecipou Fetter.


Rethalhado do site http://www.pelotas.rs.gov.br

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...